Perguntas Frequentes

Não. Este AVA é destinado ao Semestre Letivo Suplementar (SLS), sendo acessível por servidores técnicos, docentes e discentes vinculados à UFBA (com usuário e senha de rede).

O Moodle UFBA é uma aplicação responsiva: a tela e componentes ajustam-se de acordo ao dispositivo móvel.
Para acessar o Moodle UFBA a partir de um smartphone ou tablet:
Abra/acesse qualquer navegador web (browser) instalado no seu dispositivo, como Chrome, Firefox, Opera ou outros;
Digite o endereço ava.ufba.br e faça o login com seu usuário e senha da rede UFBA.
O acesso ocorrerá da mesma maneira que você faz quando utiliza um computador (desktop ou notebook).
Desta forma, a apresentação do sistemas, dos cursos e todas as funcionalidades continuarão disponíveis para facilitar seus estudos!

Os Webinários são abertos ao público em geral e não têm controle de frequência. Portanto, não será disponibilizado certificado de participação.

Acesse o Guia Prático para acesso aos serviços prestados pela Superintendência de Tecnologia da Informação (STI) disponível no link: https://prograd.ufba.br/sites/prograd.ufba.br/files/servicos_sti_.pdf

 

O calendário acadêmico aprovado pelo CONSEPE, para o SLS, contempla os dias que serão considerados letivos, para fins de realização das atividades acadêmicas remotas.

Para os estudantes inscritos em atividades dentro do SLS, o Calendário Acadêmico prevê a possibilidade de cancelamento da inscrição, bem como o CONSUNI definiu que só contarão nos históricos acadêmicos as atividades em que obtiveram aprovação. No caso dos docentes e dos técnicos, estes deverão buscar os grupos de apoio criados pela essa finalidade, identificados no Portal UFBA em Movimento.

Os componentes oferecidos no SLS, que constam dos currículos dos cursos, não poderão ter suas cargas horárias alteradas. Poderão ser criados disciplinas e atividades com os conteúdos passiveis de serem oferecidos remotamente, com a carga horária relativa. As práticas profissionalizantes de estágios e de laboratórios, atividades em clínicas e/ou similares seguem as diretrizes vigentes do Conselho Nacional de Educação (CNE) e os estágios poderão ser ofertados em ambientes virtuais, desde que os campos estejam realizando atividades não presenciais.

Os docentes emitirão Plano de Ensino específico para as atividades que oferecerão dentro do SLS. Em tais planos, os docentes poderão decidir sobre considerar as atividades realizadas no semestre 2020.1.

Uma atividade ou aula remota pode ser considerada uma solução temporária para continuar as atividades pedagógicas e tem como principal ferramenta a internet e são adotadas pontualmente, acompanhando o ensino presencial. Não se considera a aula remota uma modalidade ensino, diferentemente do EaD, que tem sua estrutura e metodologia pensados para garantir o ensino e educação a distância.

As atividades presenciais permanecerão interrompidas até nova decisão dos Conselhos.

Durante a suspensão das atividades presenciais foram ressalvadas as atividades essenciais, a saber, as que servem ao combate da COVID-19, bem como as que, se descontinuadas ou não realizadas remota ou presencialmente, podem causar danos irreparáveis ao patrimônio e à instituição. Ademais, seguem sendo realizadas todas as atividades que podem ser desenvolvidas em ambiente remoto.

Com a suspensão das atividades acadêmicas e administrativas presenciais no ano civil 2020, espera-se que o retorno aconteça em 2021, com nova decisão e novo calendário acadêmico a ser elaborado pelos Conselhos Superiores.

O CONSUNI decidiu estabelecer um semestre letivo suplementar (SLS) no ano civil 2020, cujo calendário acadêmico foi definido pela Resolução 01/202 do CONSEPE, durante o qual as atividades acadêmicas e administrativas serão desenvolvidas, exclusivamente, em modalidade não presencial.
 
CALENDÁRIO ACADÊMICO DO SLS 2020
Período letivo: 08/09/2020 a 18/12/2020
Planejamento acadêmico: 03/08/2020 a 27/08/2020
Criação de disciplinas e atividades: 03/08/2020 a 13/08/2020
Inscrição em componentes curriculares (veteranos): 31/08/2020 a 03/09/2020
Registro de notas: 18/12/2020 a 21/12/2020
 

As atividades acadêmicas e administrativas presenciais nos três campi da UFBA foram suspensas por decisão do Conselho Universitário (CONSUNI), em reunião realizada em 18 de março de 2020, traduzida pela Portaria nº 103/REITORIA/UFBA, de 19 de março de 2020.

Cada professor pode utilizar um tópico da sala para colocar seus arquivos e materiais, identificando-o com seu nome ou como desejar.

Pode também utilizar o recurso Rótulo para separar os espaços por nomes (ou palavras que desejar). Abaixo de cada Rótulo, de cada professor, ele insere seus arquivos. Para inserir rótulos siga:

  1. clique em ativar edição
  2. Clique em: + Adicionar uma atividade ou recurso 
  3. Clique em Rótulo e em adicionar
  4. no espaço Texto do Rótulo escreva o nome o as palavras que servirão de separadores dos espaços.
  5. Por fim, clique em Salvar e voltar ao curso.

 

Os slides utilizados numa aula síncrona já ficam apresentados no vídeo da aula que você gravou.

Caso queira criar uma videoaula só com slides siga esta dica: https://www.youtube.com/watch?v=7lC0dhySFK0

 

 

Elabore a orientações para a atividade avaliativa desejada. Use o dispositivo do Moodle que achar mais adequado para sua realização.

  1. clique em: ativar edição
  2. clique em: +Adicionar atividade ou recurso
  3. na caixa de diálogo que vai abrir clique na bolinha de uma das opção: Questionário, tarefa, glossário, diário, fórum etc. (dica: leia a explicação que aparece ao lado de cada dispositivo)
  4. Atividade adicionada, clique no botão Salvar e voltar ao curso.

 

  1. Clique em: ativar edição
  2. clique em: +Adicionar atividade ou recurso
  3. na caixa de diálogo que vai abrir clique na bolinha da opção: Arquivo
  4. Na janela que se abre após clicar a opção "arquivo" coloque o nome do arquivo e uma breve descrição. Observe que para inserir o arquivo da sua máquina tem a opção de arrastar o arquivo e soltar na caixa "conteúdo" ou clicar no ícone "Adicionar"
  5. Arquivo adicionado, clique no botão Salvar e voltar ao curso.

 

  1. Acesse www.siacdocentes.ufba.br
  2. Clique na lista de frequência da turma e no final da página clique no botão: Exportar emails

 

Envie um email para o estudante com o link (endereço virtual) da sala e a chave de inscrição, conforme o exemplo abaixo:

 

  1. Acesse ava.ufba.br
  2. Faça login com seu usuário e senha da rede UFBA
  3. Encoste o mouse na aba – Meus Cursos - e aparecerá a lista com suas salas.

 

É importante que os componentes curriculares estejam registrados no SIAC e SIGAA (sistemas acadêmicos de graduação e pós-graduação, respectivamente).
 
Mas sim, já é possível solicitar pelo e-mail moodle@ufba.br, informando código e nome do componente, bem como e-mail UFBA do professor ou professores que ministrarão.

No Moodle UFBA, disponibilizamos uma página com link para vários manuais. Clique aqui (https://ava.ufba.br/mod/page/view.php?id=84) e confira a página do suporte técnico (https://ava.ufba.br/mod/page/view.php?id=3).

O cadastro dos estudantes no AVA Moodle UFBA pode ser feito a partir do envio da chave de inscrição para estes estudantes.
 
O professor deve enviar aos estudantes o código de acesso à sala da disciplina. Este código foi recebido pelo e-mail do moodle@ufba.br ao solicitar a criação da sala.
 
Por meio deste código (chave de inscrição) o próprio aluno irá ingressar na sala da disciplina.
 
O docente que irá ministrar um componente curricular e já tem este registrado no SIAC ou SIGAA, pode solicitar a criação da sala virtual pelo e-mail moodle@ufba.br.
 
A sala será criada em ava.ufba.br, se for para o SLS e atender a resolução 01/2020 da CAE.

Sim. Os estudantes devem ser avaliados para que sejam gerados resultados a serem registrados em seu histórico escolar. Conforme resolução n.01/2020 do Conselho Universitário, avaliações de aprendizagem serão feitas de forma não presencial. Para melhor decisão sobre as formas de avaliar, o docente pode contar com ajuda da Assessoria  Pedagógica voltado para o SLS.

A atividade jornalística é protegida por direito autoral e, desse modo, é preciso mencionar a autoria. Por conseguinte, em regra, a utilização de seu conteúdo depende de prévia e expressa autorização do titular dos direitos autorais. Todavia, considera-se que quando a reprodução da notícia ou artigo detiver caráter informativo é possível utilizá-la, desde que haja menção ao nome do autor, se for assinado, e à publicação de onde foi transcrito. Vale tomar precauções como desconfiar das manchetes, prestar atenção no link, confirmar datas, checar as evidências e se certificar de que não se trata de uma brincadeira ou notícia falsa.

Um vídeo em plataformas como Youtube não são de domínio público, necessariamente, e podem estar protegidos por direito autoral. Por isso, é recomendável solicitar autorização prévia para o uso.  Caso se queira utilizar um vídeo produzido por um terceiro, é preciso verificar se o material não está em domínio público ou licenciado por uma licença Creative Commons ou similar que autorize o uso pretendido.

 

O direito de imagem é consagrado e protegido pela Constituição Federal da República de 1988 e pelo Código Civil Nacional de 2002. Tem-se também a lei de nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998 que atualizou e consolidou a legislação sobre os direitos autorais. É importante considerar essas normas durante a elaboração dos materiais didáticos a serem produzidos e utilizados: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9610.htm

As resoluções do CONSUNI e do CAE sobre o SLS permitiram o compartilhamento de atividades remotas entre os docentes.

 

O Portal UFBA em Movimento relaciona ferramentas digitais para a realização de atividades remotas e oferece tutoriais para o uso das mesmas: https://ufbaemmovimento.ufba.br/docentes

Conforme a resolução do CONSUNI para o SLS, ao estudante é facultada a inscrição em atividades remotas, o que não inviabiliza a oferta destes pelos docentes e seus órgãos de lotação.

As resoluções dos Conselhos Superiores da UFBA definiram datas limites e rotinas para os registros acadêmicos resultantes das atividades desenvolvidas dentro do SLS: https://ufbaemmovimento.ufba.br/resolucoes-normas-e-procedimentos

As definições das resoluções dos Conselhos superiores para o SLS são válidas para a graduação e para a pós-graduação. Logo, o professor pode propor atividades ou disciplinas para a pós-graduação.

Sim. Os estudantes devem ser avaliados para que sejam gerados resultados a serem registrados em seu histórico escolar. Conforme resolução n.01/2020 do Conselho Universitário, avaliações de aprendizagem serão feitas de forma não presencial. Para melhor decisão sobre as formas de avaliar, o docente pode contar com ajuda da Assessoria  Pedagógica voltado para o SLS.        

O Portal UFBA em Movimento relaciona um conjunto de indicações e treinamentos para utilização de ferramentas para ensino on-line: https://ufbaemmovimento.ufba.br/docentes

O Portal UFBA em Movimento relaciona um conjunto de indicações e treinamentos para utilização de ferramentas para ensino on-line: https://ufbaemmovimento.ufba.br/docentes

 

Para o contato com os estudantes, o docente pode escolher a(s) ferramenta(s) que melhor se adequar(em) à sua realidade e dos estudantes. O contato com os servidores técnicos pode ser realizado por meio dos canais disponibilizados pelos respectivos órgãos.

Os docentes responsáveis por cada disciplina (componente curricular) enviarão a chave (código) de inscrição para seus alunos(as).
 
A data provável do envio é a partir de 04/09/2020, após o término do período de matrículas.
 
Em caso de dúvidas sobre a chave, contate o docente da disciplina ou Colegiado do seu curso.
Navegue até a página inicial do Moodle visitando Moodle (Página Inicial).
 
Role a página até a área "Categoria de cursos".
 
Logo abaixo estão listados todos os cursos nos quais você está inscrito além dos nomes dos responsáveis e dos professores dos cursos.

Neste caso não é mais possível concluir esta atividade. Você pode entrar em contato com o professor do curso para tentar renegociar o prazo da atividade, mas o critério é do professor.

Conforme decisão do CONSUNI, somente constarão no histórico escolar do estudante os componentes curriculares em que ele for aprovado no semestre suplementar, os quais não serão considerados para o cômputo do coeficiente de rendimento.

O estudante regularmente matriculado na UFBA poderá se inscrever em componente curricular semestral do seu curso, respeitando os pré-requisitos previstos no PPC. Além disso, poderão se inscrever em atividades não curriculares, disponibilizadas para o seu curso.

 

No SLS, poderão ser ofertados componentes curriculares previstos no Projeto Pedagógico do Curso (PPC), como disciplina e/ou atividade, preferencialmente de natureza obrigatória ou optativa, Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) e estágio curricular obrigatório, possíveis de serem realizados de forma não presencial, considerando sua adaptabilidade às metodologias de ensino e aprendizagem em ambiente colaborativo. Também serão oferecidos curso livre, conferência, palestra, seminário interdisciplinar, curso rápido e capacitação e outras, que poderão, a critério do Colegiado do Curso, serem consideradas para o cômputo da integralização curricular como atividade complementar e/ou carga horária de componente curricular optativo.

 

O registro da frequência no componente curricular será realizado com base na participação e realização das atividades assíncronas previstas no Plano de Ensino aprovado pelo Departamento ou instância equivalente.

 

Uma das premissas do SLS é ofertar, sempre que possível, componentes curriculares para a integralização da matriz curricular dos prováveis concluintes. No SLS, serão considerados prováveis concluintes aqueles que foram indicados pelos Colegiados de Curso em 2020.1.

 

Os docentes se comunicação com os estudantes inscritos em sua atividade remota, disponibilizando o Plano de Ensino em que estarão indicadas todas as ferramentas digitais e os procedimentos adotados por ele.

 

Conforme a Resolução 01/2020 do Conselho Acadêmico de Ensino, apenas poderão se inscrever em atividades do SLS, os estudantes regularmente matriculados na UFBA

 

O SLS terá duração de 15 semanas, com início em 08/09/2020 e conclusão em 18/12/2020.

Sim, o estudante pode se inscrever em mais de uma atividade remotas no SLS, respeitados os limites máximos de carga horária total definidos na Resolução CONSUNI 01/2020, que é de 340 horas para graduação e de 204 horas para a pós-graduação. Os Colegiados de Curso poderão permitir que esses limites sejam ultrapassados, para estudantes concluintes em 2020-1 ou em casos extraordinários, a seu critério.

Os componentes de prática não serão oferecidos no SLS. Estes serão continuados quando o semestre 2020.1 for retomado.

Sim, as atividades remotas, sempre que possível, irão seguir os mesmos horários definidos para o semestre suspenso, 2020.1. As atividades criadas para o SLS que forem diferentes daquelas oferecidas em 2020.1, terão os horários fixados no Plano de Ensino entregue pelos professores.

Estudantes de graduação podem se inscrever em até 340 horas de atividades remotas, e estudantes de pós-graduação não podem ultrapassar o limite de 204 horas. O ensino remoto inclui atividades síncronas e assíncronas. Os Planos de Ensino dos docentes irão considerar o tempo de todas estas atividades no cálculo da carga horária.

O Portal UFBA em Movimento disponibiliza tutoriais e orientação de uso das diversas ferramentas digitais utilizadas para realização das atividades do SLS: https://ufbaemmovimento.ufba.br/estudantes

Os professores se comunicarão com os estudantes inscritos em sua atividade remota, disponibilizando o Plano de Ensino em que estarão indicadas todas as ferramentas digitais e os procedimentos adotados por ele.

As atividades acadêmicas do SLS acontecerão em ambiente virtual, de modo síncrono (docentes e estudantes conectados ao mesmo tempo em plataforma virtual) e assíncrono (através de fóruns, tarefas, etc), por meio de ferramentas digitais definidas pelo professor.  As atividades síncronas do componente curricular deverão respeitar o turno e horário do funcionamento do curso.

 

Sim, podem.

Conforme a Resolução 01/2020 do Conselho Acadêmico de Ensino As ações formativas como curso livre, conferência, palestra, seminário interdisciplinar, curso rápido e capacitação e outras, poderão, a critério do Colegiado do Curso, ser consideradas como atividade complementar e/ou carga horária de componente curricular optativo.

 

Após o planejamento acadêmico para o SLS, um guia de matrícula será emitido relacionando as atividades disponíveis para cada estudante. As inscrições serão realizadas no SIGAA, da mesma forma que acontece nos semestres regulares.

Conforme a Resolução 01/2020 do Conselho Acadêmico de Ensino no Semestre Letivo Suplementar, poderão ser ofertados componentes curriculares previstos no Projeto Pedagógico do Curso (PPC), como disciplina e/ou atividade, Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) e estágio curricular obrigatório, possíveis de serem realizados de forma não presencial, considerando sua adaptabilidade às metodologias de ensino e aprendizagem em ambiente colaborativo

Após o planejamento acadêmico para o SLS, um guia de matrícula será emitido relacionando as atividades disponíveis para cada estudante. As inscrições serão realizadas no SIACWEB, da mesma forma que acontece nos semestres regulares.           

Não há limite de vídeos das aulas gravadas.

 

Não há limite de tamanho para os arquivos das aulas gravadas.

Em média as aulas gravadas no Google Meet estarão disponíveis em até 24 horas e no ConferênciaWeb após 24 horas. Quanto maior o arquivo, maior o tempo para ficar disponível.

 

Através dos endereços já informados ou pelos Apps disponíveis.

Nas dependências da Universidade: O acesso ao G Suite UFBA deverá ser feito pela rede Wi-Fi Eduroam (https://wiki-sti.ufba.br/Eduroam) e não pela rede UFBA-Visitante.

Permanecerão com a conta do e-mail no ufbama@il.

Não. Apenas contas institucionais podem acessar o G Suite, conforme figura abaixo:

Acessar o site do Sistema de Gerenciamento de usuários (sius.ufba.br) e seguir as instruções lá contidas.

Deve-se utilizar a mesma credencial de acesso (login e senha) do domínio UFBA.

 

As comunicações com os estudantes serão realizadas pelo endereço de e-mail fornecido pela UFBA - @ufba.br

O docente que irá ministrar um componente curricular e já tem este registrado no SIAC ou SIGAA, pode solicitar a criação da sala virtual pelo e-mail moodle@ufba.br.
 
A sala será criada em ava.ufba.br, se for para o SLS e atender a resolução 01/2020 da CAE.

Acesse a página do suporte técnico (clique aqui) e selecione a opção Recuperação de senha.

Através dos canais existentes atualmente:

 

Para os serviços do ava.ufba.br, através do e-mail moodle@ufba.br 

Para os demais serviços, através do telefone da Central de Serviços (3283-6100), pelo e-mail helpdesk@ufba.br ou pelo site webdesk.ufba.br

 
A plataforma gsuite.ufba.br (google meet, google drive e gmail) estará disponível a partir do dia 31 de agosto.
A plataforma ava.ufba.br (Moodle) estará disponível a partir do dia 08 de setembro.
 

Procurar colegiado do curso pelos canais de comunicação disponíveis.

Menu “Meus Cursos” na plataforma ava.ufba.br

Logar com o usuário e senha do domínio UFBA

Não. Todos os docentes e estudantes terão acesso a plataforma

Docentes e Estudantes regularmente matriculados na UFBA

SIM. A/o estudante deve ser a/o titular da conta bancária ativa e esta não pode estar classificada como “conta salário”.

O auxílio financeiro ocorrerá com depósito em conta corrente ativa, cuja informação correta é de responsabilidade da/o estudante. Contas correntes de bancos digitais são aceitas.

NÃO. O zelo e manutenções do equipamento adquirido serão de responsabilidade da/o discente beneficiada/o.

NÃO. Ainda que a compra possa ter sido realizada por terceiros, a nota fiscal deverá estar em nome da/o discente beneficiada/o com o auxílio de inclusão digital.

SIM. Todavia, a diferença do valor não poderá ser assumida pela Universidade.

SIM. Desde que a Nota Fiscal emitida por fornecedor/a, cuja natureza econômica e/ou jurídica, seja compatível com a venda e/ou fornecimento dos materiais comprados.

NÃO. Não haverá a necessidade de devolução do equipamento adquirido para a UFBA.

Equipamento de tecnologia da informação e comunicação para conexão à rede de internet móvel (tablet, celular, etc) ou conexão à rede de internet fixa com características de funcionalidade de computador pessoal (netbook, notebook, etc)

 O chip poderá ser inserido em modem ou em aparelho celular a ser utilizado como roteador do sinal de internet para conexão no dispositivo tecnológico de uso da/o estudante.

NÃO. O recurso financeiro será concedido em caráter emergencial durante o período do SLS e até a conclusão da concessão do serviço pela RNP.

NÃO. Compreendendo que a estratégia da RNP tem abrangência nacional de dimensões territoriais continentais, bem como contará com logística das Universidades para distribuição dos chips, a UFBA optou em conceder o auxílio financeiro no valor de R$ 70,00 até a conclusão desse processo.

NÃO. Para ter o CG é necessário entrega da documentação e estudo socioeconômico, conforme previsto no item 07 deste FAQ.

NÃO. Concluída a contratação da(s) operadora(s) de comunicação pela RNP, a(s) empresa(s) vencedora(s) da licitação enviarão às Instituições Federais de Ensino Superior (IFES) chips para que as Universidades procedam com a respectiva distribuição às/aos estudantes selecionadas/os.

NÃO. Além do formato em PDF, poderá ser anexado em JPEG, desde que estejam legíveis

SIM. Poderão concorrer e o valor do auxílio não será contabilizado para fins de cálculos da renda per capita.

NÃO. A/o estudante com CG deverá efetuar a solicitação nos respectivos Editais de seleção, sendo necessária a inscrição online e o upload da declaração e do documento de identificação com foto em cada um dos Editais disponíveis.

NÃO. Ainda que não seja diretamente assistida/o por algum benefício no momento, mas que entregou documentação completa do seu núcleo familiar e teve seu cadastro deferido será considerada/o com CG ativo.

O CG consiste no conjunto de informações sociais, culturais, de saúde e econômicas sobre a/o estudante e seu núcleo familiar. Para tanto, a/o estudante entrega a documentação de todos os membros do respectivo núcleo familiar (conforme prevê lista de documentos no site da PROAE) e, a partir disso, é realizado estudo socioeconômico pela equipe de Serviço Social da PROAE para verificar se a/o estudante atende ao perfil de elegibilidade previsto pelo Decreto PNAES n.º 7.234/2010.

NÃO. O Edital de Auxílio de Apoio à inclusão digital (n.º 09/2020) é destinado para as/os estudantes com Cadastro Geral (CG) ativo na PROAE e às/aos estudantes selecionadas/os nas chamadas n.º 01 e 02/2020 da PROAE. Por sua vez, o Edital de Apoio para Acesso à Internet (n.º 08/2020) é direcionado para estudantes com renda per capita de até um salário mínimo e meio (1,5), com CG ativo na PROAE ou não. As/os não cadastradas/os, a comprovação do perfil de renda se dará por meio de declaração da renda familiar pela/o estudante e apresentação de documento simplificado (referente ao Imposto de Renda de Pessoa Física - IRPF dos membros familiares maiores de 18 anos). As vagas ofertadas nos Editais nº 08 e 09/2020 serão para atender as/os estudantes dos campi Salvador, Camaçari e Vitória da Conquista.

Inscritas/os nos Editais PROAE Nº 02, 05 e 06/2020, que ainda não sejam beneficiárias/os da assistência estudantil (auxílios: ao estudante com necessidades educativas especiais, creche, transporte, moradia ou alimentação; serviços: creche, residência universitária ou alimentação; e bolsas: Permanecer, Sankofa ou projetos especiais; ou auxílios eventuais (suspensão do Restaurante Universitário e Creche) e se matricularam no SLS.

O Edital n.º 09/2020 integra a oferta de auxílio (subsídio pecuniário) para custear parte do valor para aquisição ou melhoria de equipamento portátil de tecnologia da informação e comunicação em parcela única no valor de R$ 800,00 (oitocentos reais).

O Edital n.º 08/2020 consiste na oferta do serviço de acesso à internet através da contratação de bônus de dados móveis ofertados pela Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), vinculada ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), por meio de contratação de operadora de comunicação. Até a conclusão dos trâmites de contratação pelo MCTIC, a UFBA disponibilizará valor mensal de R$ 70,00 (setenta reais) às/aos estudantes selecionadas/os.

As Chamadas n.º 01 e 02 consistem na oferta de auxílio de caráter emergencial no valor de R$ 250,00 (duzentos e cinquenta reais) destinadas exclusivamente aos inscritos nos Editais n.º 02, 05 e 06/2020.

Estudantes de graduação em situação de vulnerabilidade socioeconômica com renda per capita familiar de até um salário mínimo e meio (1,5) mensal e que estejam matriculadas/os no Semestre Letivo Suplementar (SLS).

Atividades de Extensão realizadas em concomitância com atividade de Ensino (componente/disciplina) ou de Pesquisa, num mesmo ambiente remoto, não podem gerar dupla certificação aos estudantes nem duplo registro de carga horária docente.

 

O aproveitamento de atividades de extensão para integralização curricular dos estudantes é previsto e admitido pelas legislações pertinentes, e é efetivado mediante análise e deliberação dos Colegiados dos respectivos cursos.

 

Os estudantes da UFBA que participarem matriculando-se na atividade de Ensino (componente/disciplina), terão os créditos, frequência e nota registrados no histórico, mediante avaliação do docente responsável.

Os demais participantes sem vínculo com a UFBA, receberão Certificado de Extensão emitido pela PROEXT, mediante preenchimento do Relatório pelo docente proponente da atividade. Aqueles sem vínculo com a UFBA, que forem estudantes de outras universidades, poderão pleitear aproveitamento de estudos junto aos colegiados dos seus cursos, apresentando o Certificado de Extensão.

 

Em atividades de extensão realizadas em associação com ensino e/ou com pesquisa, a carga horária docente não poderá ser computada em duplicidade.
Do mesmo modo, estudantes que participarem dessas atividades associadas não poderão ter dupla certificação.

 

A atividade de extensão deve ser registrada no SIATEX, seguindo os mesmos trâmites estabelecidos pelo Regulamento da Extensão, e informando no formulário eletrônico da Proposta o público alvo sem vínculo institucional com a UFBA que pretende incluir.